Altar Ego

quarta-feira, fevereiro 15, 2006

Prazer só por querer























O encontro fica adiado
Para data a nunca marcar
A vontade fica comigo
E o desejo e a vontade de ti
Não vou nunca saciar

Mais uma vez na estrada da vida
Os destinos se desencontram
E as vontades e paixões
Tornam-se sonhos desistidos
Numa noite de inverno
Nua, fria e sem destino
Nem rumo

Agora vou à procura do prazer
Aquele prazer fisico e descomprometido
Que não dói nem tira pedaços de alma
E satisfaz o corpo e as vontades
Sem matar os sentimentos
Sem criar ilusões
Sem magoar sonhos

O prazer....só por querer

Posted by simplesmente...mais eu :: 7:17 da tarde :: 9 Comments:

Post a Comment

---------------oOo---------------